Black Hat – 9 ações que podem banir seu site

Black Hat – 9 ações que podem banir seu site
Avalie este Post!

Veja neste artigo sobre Black Hat – 9  ações que podem banir seu site, fique longe delas para evitar que seu website deixe de aparecer na busca orgânica.

Olá, sou Lucas Cruz da Expert Digital e neste artigo vamos falar sobre Black Hat – 9 ações que podem banir seu site, fique longe delas para evitar que seu website deixe de aparecer na busca orgânica.

Vamos lá…

Cadastre seu e-mail para receber mais conteúdo sobre marketing digital, para se cadastrar, clique aqui.

Link para o Curso: expertdigital.net/curso-de-seo/

No mundo do SEO, temos políticas claras a seguir. As regras são estabelecidas para proporcionar um ambiente útil, relevante e seguro para garantir a qualidade da experiência do usuário. Um Ranking elevado exige manter-se com as tendências de SEO atuais e em mudanças, fazer constantemente ajustes em sua abordagem para atender às novas atualizações do algoritmo.

Por outro lado, há as pessoas (spammers) que tentam enganar os motores de busca e trazer tráfego orgânico para seus sites sem seguir nenhuma regra, mas quebrá-los em seu lugar. Esse é o lado escuro de SEO.

Se você está curioso, o que as práticas mais comuns de SEO black hat usado para manipular o Google hoje são apenas manter a leitura, eu vou revelá-las no âmbito deste artigo!

Veja neste artigo, o que é Black Hat, White Hat e Gray Hat – http://expertdigital.net/o-que-e-black-hats-white-hats-e-gray-hats/

  • Links Pagos
  • Spams nos Comentários
  • Duplicação de conteúdo
  • Plágio
  • Cloaking
  • Doorway
  • Usar muitas palavras-chave
  • Texto Invisível
  • Link Farm

1 – Links Pagos

Matt Cutts explica claramente:

A grande maioria do tempo as coisas são incrivelmente claras: as pessoas estão pagando dinheiro a título definitivo para as ligações com base no PageRank, fluindo o PageRank, tentando obter alta no ranking.

Ele também acrescenta que:

Noventa e nove por cento do tempo, é claro que estes são links que estão sendo comprados e pagos e vendidos e todo esse tipo de coisa.

A compra de links para SEO tem algumas vantagens inegáveis para o comprador. Em primeiro lugar, é fácil. Uma vez que uma transação é feito, não há nenhuma necessidade de se preocupar com a qualidade do conteúdo. Em segundo lugar, o texto âncora, um fator de ranking do Google, também é escolhido de acordo com as preferências do cliente. Estas duas razões são suficientes para manipular eficazmente motor de pesquisa rankings que é por isso que esta técnica de SEO é classificada como um Black Hat.

2 – Spams nos Comentários

Você já testemunhou a situação em que um usuário recém-apresentado em seu site acabou por ser um spammer … com sua mensagem inútil e ligação promocional não-relacionados?

Exatamente, estas são as ações que estamos referindo.

Comentários nos spam são destinados para criar backlinks. Ligações obtidas desta forma são 100% “nofollow”, o que torna esta técnica um verdadeiro desperdício de tempo.

No entanto, é atualmente uma das práticas mais populares de Black Hat. O que é mais, nem sempre é feito manualmente, existem ainda várias ferramentas disponíveis para disseminar automaticamente comentários de spam na Web.

Se o seu blog está aberto para comentários sem ninguém para controlar a sua qualidade, mais cedo ou mais tarde você obterá comentários de spam que vão deixar uma impressão negativa sobre os usuários e diminuir a qualidade de sua experiência do usuário.

Lembre-se, comentários de spam também prejudicam o seu blog, fazendo com que pareça negligenciada e pouco profissional. É por isso que você deve esperar e aprovar os comentários depois de filtrar o spam usando plugins de bloqueio.

3 – Duplicações de conteúdos

Como o nome sugere, duplicar o conteúdo refere-se ao bem conhecido “copiar e colar” a prática de criação de conteúdo entre domínios e significa que blocos de conteúdo copiado de diferentes fontes correspondem exatamente uns aos outros ou são muito parecidos.

Os motores de busca preferem conteúdo exclusivo que é por isso que o conteúdo propositadamente duplicado em diferentes domínios é percebida como uma das piores técnicas de Black Hat. Quando os mesmos resultados são encontrados na listagem do Google, é um claro sinal de manipulação dos rankings motor de busca e geralmente resulta em má experiência do usuário.

Duplicar preocupações de conteúdo não apenas domínios diferentes, mas também um domínio. No entanto, no segundo caso não é tão grave, porque é geralmente um sinal de falta de conhecimento ou negligência. Portanto, é crucial para implementar um tag canônica para indicar a versão original do seu artigo. Dessa forma, você fazer outras cópias invisíveis para Googlebots.

4 – Plágio

O plágio é uma técnica semelhante para o problema de conteúdo duplicado (acima) e está continuamente se tornando mais popular. Isto é plágio próximo nível e que envolve o uso de um software especial que leva a fonte copiado e reformulá-lo para uso posterior como um “novo”, post “único”. Modificação de forma eficiente reduz o risco de ser detectado por qualquer ferramenta de plágio.

5 – Cloaking

O que acontece quando você insere o termo “cloaking” na barra de pesquisa do Google? Você terá um resultado que explica primeiro “cloaking” como uma técnica de motor de busca que apresenta conteúdo completamente diferente ou URL para o usuário do que o motor de busca aranha.

Na verdade, este método SEO é considerada enganosa pelos motores de busca, a fim de obter melhora no ranking para palavras-chave. Além disso, é uma violação das Diretrizes para webmasters do Google, porque, na maioria dos casos, serve as pessoas com resultados irrelevantes.

6 – Doorway

Em outras palavras, páginas de entrada, páginas de salto ou páginas da ponte, que são especialmente otimizadas para palavras-chave específicas e destinados a classificação elevada para consultas particulares.

Estas páginas de destino têm muito pouco valor e são utilizados exclusivamente para enganar os motores de busca e transferir um visitante de um resultado escolhido para outro, o destino não relacionado.

7 – Usar muitas palavras-chave

Esta técnica bem conhecida Black hat SEO não é tão aplicável como costumava ser no passado.

Agora, os motores de busca são muito inteligentes para se esquivar deste truque simples.

Por definição, as palavras-chave envolvem usar as mesmas palavras-chave em toda uma página, a fim de maximizar a sua visibilidade e tráfego orgânico. Conteúdo recheado com palavras-chave não parecer natural.

8 – Texto Invisível

Texto invisível significa implementar em texto branco, uma lista de palavras-chave, em um fundo branco. Este método faz com que as palavras-chave fiquem completamente invisível para o visitante, mas os motores de busca ainda pode detectar e indexá-los.

9 – Link Farm

Um Link Farm é um site (ou um grupo de sites) criado apenas com o propósito de aumentar a popularidade da ligação de um outro local, aumentando o número de conexões. Um Link Farm geralmente se parece com uma página web regular, mas a maioria do conteúdo é hiperlinks – muitas vezes aleatórios e não relacionados – para outros sites.

Link Farms podem ser anunciado como serviços para construir o seu conteúdo. Eles são muitas vezes criados através da criação de uma rede – que é muitas vezes criado com o único propósito de reunir um número de localizações de onde podem apontar para um site.

Como o Google não gosta de conexões entre sites independentes, algumas Link Farm dividem suas conexões em categorias ou um diretório.

Gostou? Essa é só uma pequena amostra do que a Expert Digital irá oferecer a você.

Se você quiser saber mais sobre Marketing Digital, inscreva-se em nossa lista para receber conteúdos semanais e gratuitos.

Cadastre seu e-mail para receber mais conteúdo sobre marketing digital, para se cadastrar, clique aqui.

Conheça nossa Escola de Marketing Digital, lá você terá mais informações sobre conteúdos relacionados a este, tudo detalhado em com passo a passo, confira – http://expertdigital.net/escola-online-expertdigital/

Eu adoraria saber a sua opinião sobre o conteúdo através de um comentário logo abaixo.

E caso ele tenha sido útil para você, aproveite para compartilhá-lo com um amigo ou uma amiga que precise de dicas como essas.

Forte Abraço e até o próximo artigo!

Fonte – Positionly

Comments

comments